segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Semear amor



Nas minhas palavras

existem sementes da Vida,

que vou deixando

por aqui, por ali,

sempre na esperança

que elas se multipliquem

para cada um colher o fruto,

que antes eu recebi

e que ao longo da Vida

fui partilhando

como uma benção,

que só o meu coração

sabe explicar!

Um fruto amadurecido

que nem todos provaram,

mas outros sim;

não conhecem outro igual:

o amor incondicional!

José Manuel Brazão

Sem comentários:

Enviar um comentário