sábado, 11 de dezembro de 2010

Amores (Mulheres) da minha poesia


Tão simples

escrever sobre a vida,

como grandioso

o carinho destas mulheres;

“princesas”,

Guerreiras,

sensíveis,

talentosas,

Autênticas.

Não esquecem

a minha existência,

que me confortam,

por valer a pena

a minha persistência,

com sentimentos coerentes,

para estes amores ardentes

amores

da minha poesia!

Mulheres!

José Manuel Brazão



http://www.youtube.com/watch?v=YE9rfrvyzOo

Sem comentários:

Enviar um comentário