sábado, 31 de julho de 2010

Nós perante a Vida!


Ah sim! A vida anda me pregando algumas surpresas, do tipo que não se encontram explicações, apenas vai acontecendo e vamos tentando entender.

Amores vêm e vão, alguns retornam, outros voltam como bons amigos. Há de ter alguma explicação lógica para tudo isso. Será que em outras vidas deixei pendências com estas almas? Ou qual motivo de nos reencontrarmos?

Sinceramente, ando aprendendo “a vida dá muitas voltas”. Como se a ação ou o pensamento tivesse alguma ligação na reação, como forma de resposta. Chego a deduzir que os pensamentos que são gerados em nossa mente pudessem ser transmitidos pelo universo, e como num passe de mágica obtivéssemos as devidas respostas. Ando intrigada com certas coisas, mas confesso que tudo isso tem me feito muito bem!

Sempre desejei encontrar na vida alguém que fosse capaz de me entender, que entendendo me compreendesse, e compreendendo aceitasse como eu sou. Para a minha grande surpresa encontrei, e a aceitação é recíproca.

Nestas idas e vindas a vida deu muitas voltas, e aprendi, amadureci, sofri, me iludi, amei, caí, levantei, segui e continuo seguindo as escolhas que eu mesma optei.

As voltas que a vida deu me apresentaram pessoas insubstituíveis; muitas que não fico longe sem obter notícias, outras que tenho certeza serão passageiras, e outras que estão todos os dias comigo. Sei também que a vida dará muitas outras voltas e que a separação um dia será inevitável.

Contudo, foram nestas voltas da vida que encontrei você, que por alguma razão sem explicação entrou na minha vida. Acho até que não tive muita opção, a própria vida se encarregou de nos apresentar.

A vida deu muitas voltas, isso é fato. A vida é uma constante evolução, as nossas escolhas determinam o caminho, e no final acredito que tudo acabe dando certo.

Graciele Gessner


[...]


Pelas minhas posições perante a Vida poucas pessoas me compreendem.
É um grupo muito restrito.

Pessoas que convivem comigo há muitos anos, mas tenho um caminho a percorrer. Uma missão a cumprir.

No meu cantinho faço constantes auto-reflexões para tentar melhorar os pontos fracos (corrigir os meus erros). Tarefa difícil, mas convém persistir!

Naquilo que estamos bem na vida, aí ganhar forças para prosseguir!

Neste aspecto de “estar bem com a vida” tenho muita gente a rodear-me; em cada dia conquisto pessoas que com o tempo se tornam meus amigos!

A esses vivo no meu silêncio as suas alegrias e as tristezas. Como se fossem minhas!

Esses amigos sentem que eu os compreendo e confortam-se por serem compreendidos.

Está em mim a facilidade da compreensão como se as conhecesse há muito tempo.
Algumas só as conheço através da Net, mas nasce uma “magia” como se nos conhecêssemos há muito tempo! Imagino-as!

Nasci e quero terminar o meu caminho com a maior evolução possível em que prevaleça o amor, tolerância e compreensão! Compreendo…

E é por tudo isto, que a Vida dá tantas voltas, que o destino permitiu conhecermo-nos e eu provavelmente estar incluído num dos textos mais maravilhosos que já te li e me deixou sem jeito, quando escreves sobre este tema!

José Manuel Brazão



MusicPlaylistRingtones
Create a playlist at MixPod.com

sexta-feira, 30 de julho de 2010

Esperando...



Me perco contornando os vincos das linhas do seu rosto.
Desenhando no ar meu encosto, sereno e doce, pronto pra mim..
E assim deslizo as mãos em sua barba,minha áspera seda sonhada
pela sutil imaginação dos meus dedos.
E nessa hora sou grande e me atrevo a expulsar os velhos vultos
do medo...de me perder de ti dentro de mim.
E alardeio essa tal felicidade, companheira desmedida da verdade
sem início, sem meio, sem fim.
Me regalo com o embalo dos pedaços, costurados, tricotados,
emendados, que transformam nossa história em um nó.
Me deslumbro com sua suposta ausência, me trazendo
mais e mais sua presença, amarrando nossas almas numa só...
Não me ocupo de sofrer pela distância,
muito menos desse tempo a intolerância
que insiste em dizer não e nunca sim..
Pois embora tudo seja incoerência
Para mim, apenas claras evidências
da eternidade desse amor dentro de mim.

Sandra Freitas



[...]

És a mulher
que me compreende,
tolera, serena
e pacifica minha alma!

No teu canto do silêncio,
preocupas-te comigo,
confortando
os meus anseios,
os meus desejos
de amar
de te amar,
mas por vezes perdidos
e agora reencontrados!

És a mulher
que me perdoas,
o desencontro com a vida,
seduzido por paixões
umas vezes levianas,
de puro prazer
e nada mais!

És a mulher
enfim;
que me deseja
no teu canto do silêncio,
vagueando pelo passado,
tão recente,
que eu ia perdendo,
se não fosses um anjo,
o anjo que um dia
me apareceu
em nome da Paz
E ficou pacientemente
Esperando por mim!

De braços alongados,
envolveste meu corpo
e disseste:

Sou eu
o amor da tua vida,
confiante
e esperando por ti!

José Manuel Brazão




MusicPlaylistRingtones
Create a playlist at MixPod.com

Por tua causa!


Por tua causa
a minha vida
nunca mais foi a mesma;
tudo se alterou
na rotina, no descanso,
mas em mim
- o Homem -
houve a conquista
de valores adormecidos
e hoje fortalecidos,
que fazem do poeta
um homem com outra visão,
Com horizontes sem limites
no espaço e no tempo,
numa entrega desmedida
àqueles que me seguem,
acarinham e valorizam,
tornando o meu sentir e acreditar
em verdadeira sintonia,
que recuando no tempo,
sonhava, pretendia,
mas não sabia
se qonquistaria!

Hoje
por tua causa
estou reflectindo em palavras
e apenas por tua causa,
escrevendo
poesia da paz,
da harmonia e do amor...
... a minha poesia!

José Manuel Brazão



MusicPlaylistRingtones
Create a playlist at MixPod.com

quinta-feira, 29 de julho de 2010

Vidas





A vida é como uma felicidade,
para ser conquista e
merecida.

No João
a vida como um amor,
para ser desfrutado;

no Pedro
a vida como um desafio,
para ser enfrentado;

no Paulo
a vida como uma aventura,
para ser agarrada;

nos meus Netos
a vida como Vida,
para ser defendida!

José Manuel Brazão


MusicPlaylistRingtones
Create a playlist at MixPod.com

quarta-feira, 28 de julho de 2010

Amor amigo


Sinto em mim
esse amor amigo,
que me conforta
e em que eu confio
Serenamente!

Sei
que para voar
me darás asas,
asas de amor;

Sei
que estarás comigo,
sempre
mas sempre
neste amor amigo!

Assim será
para além do azul!

José Manuel Brazão



MusicPlaylistRingtones
Create a playlist at MixPod.com

Olhamos o Céu




Olhamos o Céu
e agradecemos A Luz
que te trouxe até mim!

Chegaste,
sorriste,
estendi a mão,
o amor na minha mão
e disseste:
encontrei
a minha Paz,
a minha vida,
sou feliz!

Também sorri,
de novo olhei o Céu
e agradeci este amor,
que nasceu,
floresceu
e dará pétalas de amor!

Olhamos o Céu
que nos envia
muitas pétalas,
pétalas de amor!

José Manuel Brazão


center>


MusicPlaylistRingtones
Create a playlist at MixPod.com

segunda-feira, 26 de julho de 2010

O pouco pode ser muito



Tenho que aprender a entender, aprender a ter pouco e deste pouco me sentir bem. Tenho que gostar do pouco que você me permite, do pouco que para mim é insuficiente.

Talvez não tenha compreendido que este pouco seja muito, e que tudo que vivo hoje é apenas temporário. Quem sabe com o passar do tempo não sinta o mesmo, que este pouco é vazio, é frio, é quase nada em tudo que poderia ser vivido.

Não tenho culpa se te magoaram, ou se esta ferida encontra-se em fase de cicatrização. Eu gostaria muito de tê-lo mais perto de mim, mais presente na minha vida. Contudo, tê-lo por alguns segundos talvez seja o que realmente eu mereça e nada mais.

Graciele Gessner




[....]


Pareço não ter nada e tenho tudo: PÃO e AMOR!

José Manuel Brazão

Estarás em mim


Pela manhã

com um sol radioso

a invandir meu espaço,

olho a tua imagem

sorrindo para mim

com encantamento,

que preenche

meu corpo e alma!

Entrego-me a ti

neste caminhar,

que nos levará

até à porta da Felicidade!

José Manuel Brazão

“Quando Deus tira algo de você Ele não está punindo-o, mas apenas abrindo suas mãos para receber algo melhor'.

ChicoXavier




MusicPlaylistRingtones
Create a playlist at MixPod.com

domingo, 25 de julho de 2010

Sementes do Amanhã


Vou caminhando e tendo a noção que já fiz muitos quilómetros de Vida; vou parando e descansando.

Nesse descanso, reflicto sobre toda a experiência vivida!

Uma luta muito forte para obter os resultados que pretendia. Tive muitas ajudas não visíveis e uma força interior que Deus me deu - pela minha Fé e Esperança – que me fez chegar aos dias de hoje.

Em determinado ano resolvi – com mais tempo disponível – estudar sem compromisso os princípios da Filosofia e da Psicologia.

Estudar um pouco este Mundo: os Homens e as Mulheres!

Aí aprofundei-me na área relacionada com o Amor ao próximo. A minha forma de estar na Vida alterou-se acentuadamente.

Passei a dar grande relevo à Paz, à Harmonia e ao Amor!

Resultou na minha Vida?
Na vida familiar, nem por isso! Na vida com os outros, sim!

Eu tenho o meu destino traçado. O passado não se apaga, mas o presente e o futuro já consigo entender melhor!

Em 2002 descobri em mim que escrevia umas coisas de Poesia. Mostrei a alguns Amigos uns poemas “tímidos” e logo reagiram, dizendo-me que continuasse, porque tinha em mim esse dom.

Continuei e hoje em dia já perdi a conta aos textos escritos e atingi um patamar risonho, que nunca imaginei!

Tudo isto para quê!

Para vos dizer que nos últimos anos encontrei muitos MOMENTOS FELIZES como nunca tinha experimentado em toda a minha Vida, excepto e naturalmente, com o nascimento dos meus Filhos e dos meus Netos!

Dirijo este texto a todos vós ligados à Poesia, porque são a minha Família de grandes momentos inesquecíveis!

Comecemos aqui a lançar as sementes do amanhã para Aqui ou Além nunca mais nos esquecermos uns dos outros, com Paz, Harmonia e Amor!

José Manuel Brazão



MusicPlaylistRingtones
Create a playlist at MixPod.com

Sonhar acordado


Então pensei: “Deixe sonhar, acreditando ser o todo soberano”. Jamais acredito no que ouço, até que se prove. Ressalvo apenas que fico com as minhas desconfianças, corro atrás para solucioná-las.

Sonho acordada porque sei perfeitamente o momento de tirar as minhas dúvidas. Dou a corda para se enforcar, mesmo que não pareça. Às vezes os olhos tornam-se o advogado acusador, ou então, da absolvição.

Abra os olhos, tire o véu... Acorde, menina! Tudo gira ao seu redor, mesmo que por vezes não seja visível, mas está ali... Bem na frente do nariz.

Graciele Gessner



[...]


Sonho,
sonho muito..
mas acordado!
Vejo as pessoas,
observo-as,
falo com elas:
gosto (quase) de todas!
Passa o tempo,
vamos encontrando
aqui e ali,
ilusões e desilusões,
amizades
e infidelidades,
amores e rancores.
Não me revejo
neste mundo!
Resta-me o das crianças:
o novo mundo!

E agora?

Só sonho, dormindo...

José Manuel Brazão

sábado, 24 de julho de 2010

Vamos semear Amor


Nas minhas palavras
existem sementes da Vida,
que vou deixando
por aqui, por ali,
sempre na esperança
que elas se multipliquem
para cada um colher o fruto,
que antes eu recebi
e que ao longo da Vida
fui partilhando
como uma benção,
que só o meu coração
sabe explicar!

Um fruto amadurecido
que nem todos provaram,
mas outros sim;
não conhecem outro igual:
o amor incondicional!

José Manuel Brazão


MusicPlaylistRingtones
Create a playlist at MixPod.com

sexta-feira, 23 de julho de 2010

Quando tudo realmente existe!


Quando o saber se torna algo palpável,
ele se transforma em algo próximo do sentir.

Quando a confiança é por vezes colocada em dúvida,
tudo que gira em volta vira pó.

Quando tudo realmente existe
é quando o amor, o respeito, a humildade e a gratidão
andam de mãos dadas pelas estradas da vida.

Graciele Gessner



[....]

Quando tudo realmente existe,
parecemos sonhar,
mas existem
esses momentos felizes,
indescritíveis para nós,
mas apenas nossos olhos alcançam
e jamais esqueceremos,
que sentimentos tão nobres,
como o amor, o respeito,
a humildade e a gratidão
se afastem de nós
e assim continuaremos
com convicção
a estrada da vida
-essa realmente existe-
da nossa vida!

José Manuel Brazão



MusicPlaylistRingtones
Create a playlist at MixPod.com

EU na Vida e na Poesia


"E que a minha loucura seja perdoada.
Porque metade de mim é amor, e a outra metade... também."

Oswaldo Montenegro


Como é que o Oswaldo soube que eu também era louco?

José Manuel Brazão



MusicPlaylistRingtones
Create a playlist at MixPod.com

quarta-feira, 21 de julho de 2010

Por tua causa!


Por tua causa
a minha vida
nunca mais foi a mesma;
tudo se alterou
na rotina, no descanso,
mas em mim
- o Homem -
houve a conquista
de valores adormecidos
e hoje fortalecidos,
que fazem do poeta
um homem com outra visão,
Com horizontes sem limites
no espaço e no tempo,
numa entrega desmedida
àqueles que me seguem,
acarinham e valorizam,
tornando o meu sentir e acreditar
em verdadeira sintonia,
que recuando no tempo,
sonhava, pretendia,
mas não sabia
se qonquistaria!

Hoje
por tua causa
estou reflectindo em palavras
e apenas por tua causa,
escrevendo
poesia da paz,
da harmonia e do amor...
... a minha poesia!

José Manuel Brazão



MusicPlaylistRingtones
Create a playlist at MixPod.com