segunda-feira, 21 de junho de 2010

Acordai para o amor


Caminhamos,
distraídos
e indiferentes!

Que se passa?
Pessoas com fome,
barricadas na guerra,
guerra de interesses
e não de justiça,
pessoas carentes
da nossa mão,
da nossa fraternidade,
do nosso olhar,
do nosso amor.
Sim, Amor!

Acordai para o amor!

José Manuel Brazão


Marta Vasil disse...
Palavras de revolta, não é? a poesia é isso também.








MusicPlaylistRingtones
Create a playlist at MixPod.com

Sem comentários:

Enviar um comentário