quarta-feira, 30 de junho de 2010

MÃE - Doce Lar


Nestes dias frios queria você aqui
Não preocupe-se não, minha mãe
É só essa necessidade de aconchego
No teu doce colo-ventre-pátria
Esse cheiro do alimento vindo de ti
Minha paz e conforto instaurados
Quando estou sob teus olhares
Plenos de luz, amor e doação
É só um fim que quero dar na solidão
Desses dias longos de inverno rígido
E uma vontade de dormir abraçada a ti
Por que mãe, um dia a gente tem que sair

De onde não devia ter deixado nunca?
Por que ter que abandonar o ninho
Deixar para de vez em quando o carinho?
A vida é assim, não é, mãe?
Ambas sabemos a importância de crescer
E aprender a se fazer o conforto de outro ser
Costurarmos essa colcha de retalhos em outras teias
Sem contudo perder o sangue de nossas veias
Mas quero dizer sem ter que chorar
E se for preciso que eu chore então
Que sempre estarei agarrada à tua mão
E dentro de ti, no coração, meu lar.

Luciana Silveira







Desde que partiste,
minha Mãe,
Ivone, Mãe querida
raro é o dia:
que não te pressinta,
não te sinta,
que não te recorde,
que não te tenha presente.
Para outros
estás ausente!

Quanto mais tempo passa,
mais recorro a ti
meu anjo da guarda
de todos os dias
da minha Vida!

Deste muito amor
e pouco recebeste!

Serás recompensada,
muito iluminada,
minha Mãe,

Ivone, Mãe querida
de todos os dias…

José Manuel Brazão








MusicPlaylistRingtones
Create a playlist at MixPod.com

Percurso de Vida






Caminho longo
percorrido
com obstáculos
que superei,
uns por mim
e outros ajudado!

Por quem?
Alguém!

No caminho longo
encontrei de tudo,
coisas boas e más.
Pessoas
que me davam a mão,
pessoas
que me traziam no coração,
mas ele era artificial!

Uns
ficaram para sempre.
Outros
ficaram pelo caminho!

Eu
continuo o percurso,
caminho longo…

José Manuel Brazão


TiChA disse...
Nunca estamos sozinhos na caminhada da nossa vida... Acredito que existe alguém que não vemos, mas que nos guia...
É bom quando temos alguém que tem a capacidade de nos ajudar a superar os obstáculos que encontramos na caminhada da vida...
É bom levar os verdadeiros amigos connosco no percurso da vida... E deixar para tras aqueles que só estão connosco por interesse...

Beijos


O criador nos deu o livre árbitrio pra isso!para escolhermos nossos próprios caminhos.
Cada um segue o seu conforme a sua própria escolha,o seu caminho zé é florido!
pq você é uma pessoa muito iluminada e que faz o bem a todos!
Sei que há momentos ruins pra vc,assim como há momentos ruins pra todos nós.
Mais tenha certeza que,Deus e seus Amigos sempre estarão contigo!

Bjô
Nanda Costa



Agradeço estes comentários da Ticha e Nanda efectuados noutros sites, que simbolizam todas as palavras que me são dirigidas por tantos Colegas e Leitores., que me motivam neste percurso da Vida!

Tentei ser merecedor na Vida. Mas será que fui? Ficam sempre as nossas interrogações perante a Vida!

Este é um dos textos talismã da minha carreira de Escritor! Que eu possa continuar a corresponder naquilo que todos esperam de mim!
Beijos e Abraços do ZÉ
José Manuel Brazão






MusicPlaylistRingtones
Create a playlist at MixPod.com


terça-feira, 29 de junho de 2010

Momento certo


Existem
momentos na Vida!

Inesquecíveis
tanto os bons
como os maus!

Mas existem
momentos certos
que preparamos,
e outros
que nos escapam!

Não passei
por momento certo,
mas poderá chegar…
Porquê,
como e quando,
não sei,
ainda não sei…!

José Manuel Brazão

Tempo...tanto tempo!


Passou tanto tempo!
O que aconteceu?
Nada!
Ajudei-te?
Quis ajudar,
mas não resultou!

Tratei-te como uma flor,
como uma rosa:
vermelha ou amarela!
Queria ver a tua evolução,
tratei-te com todo o amor,
com o coração.
Ilusão ou desilusão?
Não sei responder!

Pensei
que estavas feliz,
mas o Sol não me ajudou.
Foste empalidecendo,
eu fui sofrendo…

Aqui estou triste,
angustiado,
desesperado,
por não haver um sol nascente,
que te ajude,
como eu gostava!

Passou tanto tempo:
ainda estou aqui!
Não como antes,
mas só:
falta-me a rosa,
que já não é como antes!

José Manuel Brazão



[..]

Descompassado
é meu coração a tua espera
anos-luz e eras
preenchidos
de amor-quimera,
saudades do amanhã
ainda em gestação..(pulsando).

E agora
Quando o tempo nos acolhe
Amigo hoje, vilão outrora
cada segundo parece
ser recheado de eternidade,
cantada em sons de infinito..
E nem meu grito
é capaz de fazer acelerar,
abreviar esse hoje e me jogar de vez
em teu abraço..
que meu cansaço
só de desfaz no
repouso da tua boca
na minha...

o tempo é uma criança matreira a
rir-se de nossas ânsias..
mas temos nosso trunfo meu amor:
somos atemporais.

Sandra Freitas



MusicPlaylistRingtones
Create a playlist at MixPod.com

Uma vida com estrelas sem céu!


Quis parar neste tempo,
olhar pela sua memória
e recordar tempos de outrora,
de passado recente,
tempos de agora!

Vi muitas estrelas na vida,
que brilhavam
iluminando meu corpo e alma
e outras apenas meu corpo.

Foi um desfile constante
em muitas noites de luar,
mas algumas
Não brilhavam como outras!

Passou tempo...
E hoje entendo
que já não brilhavam,
porque se escondiam
com vergonha
do mal que me fizeram...

Afinal
eram estrelas sem céu!

José Manuel Brazão



MusicPlaylistRingtones
Create a playlist at MixPod.com

O que ficou em mim: Meu anjo Rafael (Rafa)!



Meu anjo Rafael (Rafa)

Poeta não tem idade. Há pouco tempo divulguei aqui um poeminha feito pela Rafa menino-prodígio de 6 anos (filho de Luciana Silveira) dedicado a sua Mãe e que na altura me prometeu fazer outro dedicado a mim. Hoje aqui está o tal poeminha prometido e os que lhe deizo para o futuro.! Afinal é nas crianças que encontramos Amor só Amor! Que os adultos aprendam mais uma lição de Vida! Adeus meu Anjo Rafa e como disseste um dia lá nos encontraremos bo Papai do Céu!

Anjo

Existe um anjinho
Que ilumina seu caminho
Um anjo lá do céu
Chamado Rafael
Esse anjo é bem legal
E quer ser seu amigo
Pra brincar e escrever
Junto com você.

Rafael Silveira Soares (Rafa)


Minha magia

Minha magia é Deus
e faz o luar.

Quando eu penso em uma coisa
eu faço uma magia
e quando alguém vai falar
eu vou rezar.

Minha magia é muito boa
que dará a amizade.
Quando eu penso em uma coisa
minha magia vai me dar

Rafael Silveira Soares

Para o Rafa - com seis anos - magia é a Fé, que já paira nele e é também a Esperança com que ele acaba o seu poeminha!
Um beijo do Amigão



Meu Anjo, meu Menino!
Em cada dia
da minha Vida
penso em ti
cada vez nais!

Pela noite
ao deitar
e meditando,
sinto-te em mim!

Peço sempre
para continuares “anjo”;
um anjo daqueles
que não esquecemos
a sua imagem,
a sua bondade
e o seu Amor!

Assim
te vejo em mim
e reza sempre
por tua Mãe,
essa
que nunca
te abandona
e por ti dará Vida!

José Manuel Brazão


Meu Anjo Rafael(Rafa)

Seres criança
é um raio de esperança
que guardo em mim!

Seres criança
e o meu anjo Rafael (Rafa)
se instala
no meu corpo e alma!

Seres criança
e teres amor por mim
me deixa sem jeito
me deixa
eternamente em ti!

José Manuel Brazão


Para o meu querido Amigo Rafael-Rafa com seis anos e pureza na Alma






MusicPlaylistRingtones
Create a playlist at MixPod.com

Raízes desse amor!


Uma vida que amanhece
com o Sol
trazendo ou não a esperança.
Ele está presente
mesmo encoberto por nuvens
com imagens de coração,
de amor que não vai…

Um Sol que ofuscou a Lua
para deixar em mim
este amor que não vai
enquanto a paixão viver dentro dele!

Raízes profundas desse amor
enroladas no meu corpo,
que me prendem à Vida
e a este meu Destino,
meu poema… do amor!

José Manuel Brazão






MusicPlaylistRingtones
Create a playlist at MixPod.com

segunda-feira, 28 de junho de 2010

Pudesse eu escrever...


Escrevi,
escrevi muito.

Palavras sem conta;
umas levou-as o vento,
outras andam por aí,
quem sabe…
guardadas em corações,
nalgumas emoções!

Nem tudo escrevi
nem tudo escreverei,
mas o que existe,
é Verdade,
só Verdade!

Pudesse eu escrever,
tudo o que sinto,
tudo o que eu amo …

José Manuel Brazão




MusicPlaylistRingtones
Create a playlist at MixPod.com

TU e EU seguimos...


Descobri que habito em mim mesma, assim descortinei o mundo lá fora...
Todos os meus zelos foram inúteis.
Toda a minha graça encoberta, agora desperta, pulsa em mim.
Não caibo em mim de tanto amor.
Não caibo nesse mundo inverso, mas humildemente o revelo.
Sigo maravilhada diante de cada descoberta.
Sigo feliz.

Luciana Silveira



[...]

Procuro sonhando
o que não encontro acordado.
Sonho com a vida
que me falta conhecer;
sonho com as pessoas
que amo em silêncio
e que quero ajudar:
amando!

Sonho com as pessoas
que me ouçam,
me entendam.

É bom sentir-me vivo,
olhando para trás
e vendo
que não posso viver
um novo começo,
mas que posso viver
um novo fim.

Sigo
a esperança
de ser feliz,
sigo …

José Manuel Brazão







MusicPlaylistRingtones
Create a playlist at MixPod.com

Olhos de mel


Quando te encontro,
deparo com teus olhos,
admiro-os, já lhes chamo:
olhos de mel.

Tu és ternura,
doçura,
que me fascina
em ti: mulher!

És doce comigo,
irradias alegria,
simpatia.

Sinto a tua amizade,
banhada
pelas tuas lágrimas
de mulher solidária,

Limpo as lágrimas,
olhas para mim:
não esquecerei
esses olhos de mel…

José Manuel Brazão



MusicPlaylistRingtones
Create a playlist at MixPod.com

domingo, 27 de junho de 2010

Você é a razão


A causa de estar sonhando acordada é porque você existe na minha vida. O motivo dos olhos brilhantes; o lindo sorriso espontâneo estampado nos lábios demonstra o quanto é bom ter alguém especial. Você é o princípio natural da vida, a causa da minha alegria!


Você é a minha razão, do amor-perfeito, do relacionamento certo. Você é a razão do amor que me envolve, a razão do sentimento que brotou em meu coração.


Confesso: jamais pensei que voltaria sentir o amor em meu peito. Sim, sou uma mulher forte, mas me entreguei, me envolvi. Hoje, agradeço a Deus por ter-me mostrado que estou viva! Nunca morri, apenas adormeci perante a vida.


Você é a razão de estar sonhando! Obrigada!

Graciele Gessner




[...]



Há tanto tempo,
que sonho
com este momento!

Conhecemo-nos
tão bem,
como se vivêssemos,
juntos
cada instante da vida!

Distante
vivo as tuas amarguras,
os teus dilemas,
o querer e não poder,
que por vezes
penso :
estamos tão próximos!

São os meus pensamentos,
distante de ti!
Estou cansado de sonhar,
mas vivo para te amar!

Há tanto tempo,
que sonho
com este momento!

Aguardo o teu sorriso!

José Manuel Brazão



MusicPlaylistRingtones
Create a playlist at MixPod.com

Não vou desistir! Graci e Eu solidários sempre!



Não vou desistir!
Desistir?
Nem o teu Amigão deixaria que isso acontecesse!
Tenho uma esperança convicta no teu futuro.

És uma das Mulheres marcantes na minha Vida e neste mundo da literatura pelo teu querer, o teu acreditar! Enfim a tua determinação!

Acredita que enquanto Deus permitir, estarei sempre de mão dada com o teu destino! assim seja!
José Manuel Brazão


Não vou desistir

Foi difícil chegar aqui.
Ontem me senti “pequena”.
Senti que perdi o controle da situação,
Talvez venha a ser frustrada.

Foi difícil chegar aqui.
Não vou desistir tão facilmente.
Deixei muitos “fatores” para trás,
Agora não permitirei que aconteça tal absurdo.

Ouçam invejosos!
Eu sou lutadora dos meus sonhos,
E se um dia desistir de meu ideais,
É porque simplesmente morri.

Ontem me senti “pequena”,
Uma tristeza profunda se instalou.
Tentei disfarçar, mas foi visível.
Lágrimas caíram, mas me mantive firme.

Meu objetivo é nunca desistir!
Sonhei, planejei e adquiri.
Agora vou até o fim.

Não vou desistir! Jamais!

Graciele Gessner
26.04.2006


Eu e a Graci

Na Vida
e no meu destino,
apareceste
por um sorriso
em poema era meu
e na vida era teu!

Daí
nasceu esta ligação
Vida e Poesia,
que nos trouxe até hoje!

A minha admiração
pela Mulher
determinada,
carinhosa e
generosa!

A minha admiração
pela Escritora
inteligente
de visão sem limites,
amadurecida pela Vida!

Nos admiramos
um ao outro,
por esta dádiva da Vida,
que guardamos
em nossos corações
e gravada
em nossas existências!

José Manuel Brazão


http://refugiodasemocoes.blogspot.com/

http://eueasminhaspoetas.blogspot.com/




MusicPlaylistRingtones
Create a playlist at MixPod.com